Fermentação

De Aprendiz de Cervejeiro
Ir para navegação Ir para pesquisar

Uso dois fermentadores transparentes de 30L (Izzibeer) e um galão de água mineral de 20L com uma torneirinha que eu mesmo coloquei. Uso o galão para pequenas levas, em geral reaproveitamento de malte, e experiências em geral.

Não faço lagers (estou satisfeito com as pseudo lagers feitas com leveduras ale) e meu local de fermentação é bem fresco, não passando de 18 ou 20°, então não preocupo em manter a temperatura baixa durante a fermentação. Para subir a temperatura eu uso uma cinta térmica ligada num termostato, por sua vez ligado no poço térmico ou no sensor colado no fermentador com isolamento. Antes de comprar a cinta eu usava uma lâmpada de cerâmica usada para aquecer terrários.

Uma vantagem de usar o fermentador transparente é que posso deixar o densímetro dentro do fermentador, não precisando retirar amostras para fazer a leitura, basta bater uma foto bem tirada para registrar a situação. Quando uso o galão, tiro uma amostra bem pequena e meço no refratômetro, que só precisa de umas gotas. Dadas as diferenças de leituras entre o refratômetro e o densímetro quando já tem álcool uso o refratômetro somente para saber quando a fermentação acabou, deixando para o densímetro a leitura do FG final. Quem só tem o refratômetro pode usar as calculadoras de conversão, mas eu vi na prática que mesmo convertendo ficam algumas diferenças em relação ao densímetro.